quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Duplo homicídio em terminal de Florianópolis

Cerca de 150 trabalhadores do transporte coletivo em Florianópolis pararam de trabalhar as 9h15 desta quarta-feira. A paralisação durou até as 10h15 e ocorreu em protesto à falta de segurança para os trabalhadores e usuários do transporte coletivo.


O manifesto foi feito apenas no terminal de Integração de Canasvieiras (Tican), no Norte da ilha. A gota d'água para o movimento foi a morte da cobradora Giovana Terezinha Adriano, de 31 anos durante um tiroteio no último sábado no terminal.


A troca de tiros, teria sido motivada por um acerto de contas entre dois jovens, sendo que um deles também morreu. O assessor do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Urbano (Sintraturb), Antônio Carlos Martins, disse que muitas pessoas esperam para entrar nos ônibus no terminal, mas os usuários compreendem e apóiam.

A Polícia Civil identificou o jovem morto em tiroteio que matou duas pessoas no Terminal, João Santos Salines Júnior, de 24 anos, chegou a ser socorrido, mas não resistiu e morreu no Hospital Celso Ramos, no Centro da capital de Santa Catarina. 

Abaixo o vídeo com o momento do tiroteio:

Um comentário:

Naty disse...

Justiça seja feita e minha querida amiga descançe em Paz.
AMO muito você Gi... Saudades