sexta-feira, 30 de abril de 2010

Double Deck chama atenção na São Paulo x Belo Horizonte

0 comentários
A Viação Cometa vem disponibilizando os seus modernos Paradiso G6 1800 Double Deck equipados com chassi Mercedes-Benz 0400RSD na linha São Paulo x Belo Horizonte afim de conquistar ainda mais passageiros com a imponência de seu ônibus dois andares. No trecho a empresa concorre diretamente com a empresa Gontijo que renovou parte de sua frota e vem disponibilizando inclusive boa parte desses novos veículos na linha.

FOTO: THALES ALEXANDRE REIS RIBEIRO - ÔNIBUSBRASIL.COM - DIVULGAÇÃO

Oferecendo dois serviços no trecho em um único Ônibus, o executivo no piso superior, e Leito no inferior, a Cometa que vem renovando parte de sua frota esse ano, ainda não sinalizou para compra de novas unidades do modelo em questão.

Pesquisadores em transportes, consultados pela Revista do Ônibus observam que a empresa poderá deixar de adquirir o Paradiso Double Deck por ser um veículo com altos custos, porém a Viação Cometa não comenta o assunto.

No site da empresa, é possível comprar passagens e conhecer parte da história de uma das mais antigas empresas de transportes de passageiros do país.

Sistema Integrado - 15 anos em Blumenau.

0 comentários
Há exatos 15 anos, entrava em operação em Blumenau o SIB, Sistema Integrado de ônibus de Blumenau. Com três terminais construídos (ATERRO, FONTE e GARCIA) e inicialmente 28 linhas integradas, sendo 3 TRONCAIS (10-Aterro/Fonte/Garcia Via Rua São Paulo, 11-Aterro/Fonte via 2 de Setembro e 12 Aterro/Fonte via Escola Agrícola) e 25 Alimentadoras (veja mapa abaixo) o SIB começava dar seus primeiros passos.
Na época nem todas as linhas da cidade foram integradas, pois não havia espaço físico nos terminais integrados e muitas linhas não integradas necessitavam de ajustes para poderem fazer parte do sistema

Abaixo, uma reportagem do Jornal de Santa Catarina, do dia 27 de abril de 1995, sobre o Sistema Integrado de Blumenau.
Atualmente, o sistema conta com 97 linhas, sendo 94 do sistema regular e 3 do sistema executivo.

quinta-feira, 29 de abril de 2010

Exposição de ônibus realizada neste sábado em Campos chamou atenção

0 comentários
FOTO: LUIS OTÁVIO DOMINGUES - DIVULGAÇÃO
Sábado de tempo firme em Campos no norte fluminense, data em que foi realizada a I Exposição de ônibus da região.

Com ônibus urbanos e rodoviários de alto luxo, como os modernos ônibus da Auto Viação 1001, os diversos participantes do evento que ocorreu ao lado a Rodoviária da cidade, puderam conhecer de perto parte da frota de algumas empresas e seus investimentos feitos no setor.

Organizado pelo Clube Ônibus de Campos, o evento ganhou destaque na imprensa local e chamou atenção de passageiros, admiradores de ônibus, moradores e motoristas que passavam pelo local.

Com o sucesso da exposição, os organizadores já planejam um outro evento relacionado ao ônibus, porém, não deram detalhes sobre o mesmo, deixando no ar, o suspense sobre o próximo evento.

quarta-feira, 28 de abril de 2010

Bilhete único do Rio: trens, barcas e metrô poderão ser incluídos

0 comentários
FOTO: LEANDRO DE SOUZA - CLUBE DO TRECHO - DIVULGAÇÃO

O prefeito Eduardo Paes disse, na manhã desta terça-feira, que há expectativa de inclusão dos trens e barcas e metrôs no bilhete único municipal , mas primeiro será tratada a inclusão dos ônibus, que são uma concessão municipal:

- Primeiro, estou tratando das concessionárias do município. Depois vamos nos articular com as concessionárias do estado, Metrô e Supervia, para complementar - declarou.

Segundo Paes, o processo de licitação da linhas de ônibus da cidade inclui a implantação do bilhete único, a R$2,40.

Na quinta-feira, vamos dar os detalhes disso. Mas é uma licitação aberta, de toda a cidade, de todas as linhas de ônibus da cidade. E esta licitação da linhas de ônibus pressupõe também a implantação do bilhete único, a R$ 2,40, a partir da conclusão do processo licitatório, que deve ser em julho ou no início do próximo semestre. O edital vai ser publicado na sexta-feira, e a gente vai ter quinta-feira, por parte do secretário de Transportes, os detalhes da licitação - disse Paes.

Paes disse, ainda, que a licitação não prevê a concessão de subsídios para as empresas de ônibus.

- Será sem subsídios. No caso do município do Rio, eu sempre afirmei que era possível fazer sem subsídio. Você tem um conjunto de fatores, de melhorias de sistemas, de outorgas de concessão, que valem recursos. Isso tudo tem que servir para beneficiar a população e não para trazer dinheiro para o cofres públicos. Nós conseguimos organizar desta maneira e é desta forma que a licitação vai sair, mas vamos dar detalhes disso na quinta-feira - disse Paes. .

Com informações da Prefeitura do Rio e O Globo

Portugal enfrenta greve no setor de transportes públicos

0 comentários
Usuários de transporte público das principais cidades de Portugal tiveram dificuldades para trabalhar nesta terça-feira, em razão de uma greve dos funcionários do setor contra um congelamento de salários. A polícia disse que o tráfego estava pesado e que havia congestionamentos nas ruas da capital, Lisboa, e na segunda maior cidade do país, Porto. As pessoas tiveram de ir para o trabalho de carro, depois que engenheiros ferroviários, motoristas de ônibus e de balsa não compareceram ao trabalho.

O governo socialista de Portugal introduziu o congelamento salarial para funcionários públicos e de empresas de propriedade do governo. A medida é parte de um plano de austeridade para reduzir o déficit do país. A empresa ferroviária nacional, Caminhos de Ferro Portugueses, responsável por dezenas de trens de subúrbio, disse que apenas os serviços internacionais estavam funcionando.

Os serviços de balsa no horário de pico não funcionaram nos subúrbios densamente povoados na margem sul do rio Tagus para Lisboa. Já na cidade de Porto, os bondes funcionavam normalmente.

Com informações da AE.

Construção de viaduto muda ponto de parada de 17 linhas de ônibus em Recife

0 comentários
 A partir de hoje o Grande Recife consórcio de Transporte muda o ponto de parada de 17 linhas de ônibus. A medida acontece por conta das obras de construção do viaduto, no trecho existente no final da Avenida Pan Nordestina, próximo ao girador do Complexo Salgadinho.

O ponto de embarque, que será desativado definitivamente, está localizado em frente à empresa Sanvidro. Com a mudança, os usuários destas linhas (lista abaixo) deverão utilizar a parada anterior, localizada em frente à empresa Cindfel, a cerca de 4 minutos a pé, ou a parada posterior, localizada depois do giradouro, distante cerca de 10 minutos a pé.

FOTO: BRUNO SIMEONE - ÔNIBUS DO AGRESTE - DIVULGAÇÃO

O Grande Recife garantiu que as alterações estavam sendo informadas por meio de um cartaz colocado na parada desativada. No entanto, a estrutura do ponto de ônibus foi totalmente retirada do local, impedindo a fixação de qualquer aviso.

O fato trouxe transtornos para os usuários. Muitos, como a técnica de enfermagem Milena Elias dos Santos, 33 anos perderam tempo esperando o ônibus no ponto antigo, enquanto os coletivos passavam direto. "Os motoristas passavam buziando. Não tem como advinhar quando mudam as paradas. É um absurdo ter que ficar no sol enquanto os ônibus passam", reclamou.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Possibilidade de três em Joinville

0 comentários
Três empresas

São boas as chances de que a Prefeitura de Joinville abra o sistema de transporte coletivo para três empresas na licitação a ser lançada em 2011. Mais uma empresa no sistema não significa maior concorrência na operação – a disputa ocorre no momento da licitação, ganhando quem oferece mais.

Sem concorrência

Três empresas não é mais concorrência porque as linhas são divididas em lotes, cada empresa pega um. Os ônibus não se atirarão em desabalada correria pela João Colin, por exemplo, para chegar na frente dos outros concorrentes e, assim, pegar mais passageiros.

Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

Linhas do transporte coletivo de Joinville foram afetadas por conta da chuva

0 comentários
Alguns ônibus tiveram de ser trocados para circularem nos bairros da cidade

Por conta da chuva, algumas linhas do transporte coletivo de Joinville foram afetadas. A km 11 e a Cidade de Luziana tiveram os ônibus substituídos — os com motor dianteiro pelos com motor traseiro — para conseguirem rodar mesmo com os alagamentos.

No loteamento Santa Mônica, no Jarivatuba, o ônibus não está circulando. No resto do bairro funciona normalmente. No Morro do Meio, a água na rua já chega a 40 centímetros. Por enquanto o ônibus circula, mas a previsão é que a partir das 15 horas não será mais possível.

No Morro do Amaral, o ônibus está indo até a ponte de acesso e retorna porque não há condições de passar.



Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.
Informações: Jornal A Notícia

Marcopolo vai parar a produção em Caxias do Sul

0 comentários
Em tempos de pedidos aquecidos, a Marcopolo prepara uma ação inédita na sexta-feira da próxima semana: parará as linhas de produção por cerca de três horas para reunir seus 7 mil colaboradores (sim, todos eles) das duas plantas fabris caxienses. 

A equipe será transportada por 165 ônibus até o ginásio do Sesi, onde haverá palestra com Oscar Schmidt, o "Mão Santa" do basquete brasileiro. Um amplo esquema de segurança e logística está sendo montado pela empresa.

Mas a pausa no trabalho, a partir das 16h45min do dia 30 de abril, envolve muito mais do que uma palestra motivacional. A intenção dos executivos é reapresentar o Sistema Marcopolo de Produção Solidária (Simps).


O programa foi implantado em 1986, após viagem de Paulo Bellini, presidente do Conselho de Administração da Marcopolo, ao Japão. A gestão, com a participação dos colaboradores, foi considerada o divisor de águas na companhia e responsável pelo seu sucesso no mundo. 

No encontro, os diretores do grupo falarão sobre a nova fase do Simps e tentarão revigorá-lo entre os funcionários, já que 90% da atual equipe não é a mesma da década de 1980. 

Com informações da Rede RBS

sexta-feira, 23 de abril de 2010

Transul renova 100% de sua frota com ônibus Marcopolo G7

0 comentários
A Transul Transportes foi incorporada ao Grupo Santa Cruz em Janeiro deste ano, com a implantaçao gradativa da gestão operacional e comercial semelhante às demais empresas do grupo que ainda constitui as empresas Viação Santa Cruz, Expresso Cristália e Viação Nasser.

Com a incorporação, a Transul renovou toda a sua frota adquirindo assim 20 ônibus rodoviários Paradiso G7 1050 equipados com chassi Scania, que estarão operando as linhas interestaduais que ligam o Sul de Minas Gerais como as cidades de Três Corações, Lambari, Itajubá, Pouso Alegre entre outras até São Paulo e a Baixada Santista.

FOTO: THALES ALEXANDRE REIS RIBEIRO - ÔNIBUSBRASIL.COM - DIVULGAÇÃO

A empresa fez no início do mês de Abril um desfile com todos os ônibus por diversas cidades, afim de mostrar a novidade para seus clientes. De acordo com o Grupo Santa Cruz, o principal objetivo nesta primeira ação do grupo na região, é estar buscando a excelência no atendimento e na prestação de um ótimo serviço, através de ônibus mais confortáveis e com maior segurança.

A Transul ficou conhecida na década de 80 e 90 pela frota de Ônibus Volvo que agora se torna 100% frotista Scania.

Abaixo assinado da Busscar

0 comentários
Os funcionários da Busscar Ônibus S/A e a comunidade Joinville mobilizam este abaixo assinado em apoio à carta redigida pelo Deputado José Carlos Vieira, pleiteando junto ao Presidente da República a liberação dos recursos nela citados, necessários a continuidade das atividades desta importante empresa e a manutenção dos empregos diretos e indiretos que ajudam a movimentar a economia da sociedade de Joinville e de Santa Catarina. 
O Deputado Federal José Carlos Vieira terá uma audiência com o Presidente da República sobre o assunto Busscar na terça-feira dia 27/04 e levará na ocasião todas as assinaturas colhidas em um grande abaixo assinado. 
Sua assinatura é o endosso aos princípios da Democracia e do respeito aos direitos adquiridos por esta empresa ,em uma ação Ordinária e Rescisória transitado em julgado, em última instância na Justiça Federal.



SOMENTE É OBRIGATORIO O PREENCHIMENTO DO NOME E RG!
Para deixar sua assinatura, basta informar seu nome, e-mail e número do documento de identidade (RG). Outras pessoas que assinaram a lista poderão ver apenas seu nome e, caso você permita, o seu e-mail. Os demais dados informados, de acordo com as instruções na página, estarão visíveis apenas aos responsáveis pela sua publicação.

Agradecidos por sua Cidadania, Comissão dos trabalhadores da Busscar Onibus S.A.

Gidion e Transtusa garantem que decisão foi politica ou seria operação para salvar Dilma?

0 comentários
A não renovação da fota de ônibus em Joinville e o reajuste dos funcionários da Gidion e da Transtura, são as maiores preocupações das permissionárias do transporte coletivo urbano de Joinville. Há informes que a má performance administrativa da prefeitura de Joinville estaria puxando para baixo o desempenho em Santa Catarina da ex-ministra Dilma Roussef, o que teria levado o prefeito Carlito Merss a não decretar o novo aumento da tarifa de ônibus como medida politica compensatória.
Além disso a decisão do prefeito visa também melhorar a barra da primeira dama, Marinete Merss,foto abaixo, pretensa candidata à Câmara Federal, de olho na substituição do marido no Congresso, vaga com a eleição para a prefeitura.
Todo mundo sabe que o partido, ligado a Carlito, quer a fritura de Francisco de Assis, também aspirante a deputado federal.

A NOTA

A questão é polêmica. Eis a nota oficial das empresas: As concessionárias do transporte público de Joinville foram convocadas para a reunião Na segunda-feira com o prefeito e dirigentes da Seinfra e Ippuj com uma expectativa de definir o novo valor da tarifa e foram surpreendidas pela decisão da prefeitura de não conceder reajuste em 2010.

As empresas entendem a decisão como política e não técnica porque a própria prefeitura havia anunciado antecipadamente que, pelos seus cálculos, a tarifa ficaria entre R$ 2,50 e 2,55.

As contrapartidas para prorrogar o aumento apresentadas pela Prefeitura são para médio e longo prazo e por isso não atendem às necessidades imediatas das empresas. A principal preocupação neste momento é com o pedido de reajuste da categoria apresentado pelo sindicato, já que a data-base é em maio. O sindicato apresentou pedido de reajuste de 10% e existe uma reunião marcada para a próxima quinta-feira.

As medidas apresentadas pela Prefeitura são:

- acelerar a implantação dos corredores exclusivos de ônibus e resolver pontos críticos de tráfego nos bairros para melhorar a fluidez do trânsito;

- compromisso de estabelecer um calendário fixo de reajuste da tarifa em todo o mês de janeiro, seguindo avaliação técnica das planilhas.

- redução da alíquota de 2% para 0,02% do ISS o que cobriria, em parte, o pedido de reajuste solicitado pelo Sindicato da categoria dos funcionários.

Ficou claro para a prefeitura que uma das conseqüências de não conceder reajuste é que as empresas ficam impossibilitadas e desobrigadas de manter a renovação necessária da frota neste período o que é extremamente negativo para manutenção da qualidade do serviço prestado à comunidade.''


Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.
Informações: ToninhoNeves.com.br

Guia de Mobilidade de Florianópolis comemora seis meses on line e conquista usuários

0 comentários
O Guia de Mobilidade de Florianópolis – Portal MobFloripa completa, em abril, seis meses de funcionamento, comemorando a marca de mais de 300 acessos diários, segundo a Localweb. Esta marca coloca o Portal MobFloripa entre os site locais mais acessados da Capital. Voltado para a Grande Florianópolis, trata-se de uma ferramenta web gratuita para facilitar o deslocamento dos moradores e visitantes pela cidade.
Disponível no endereço www.mobfloripa.com.br, o portal oferece informações atualizadas e revisadas diariamente sobre linhas de ônibus de todas as empresas que circulam pela cidade, transporte aéreo, rodoviário e marítimo que permitem acesso à Capital e entre seus diferentes bairros, taxi, transporte escolar, aluguel e passeio de carros, embarcações, micro-ônibus, vans, motos e helicópteros. No MobFloripa, há também seções destinadas para caronas e à mobilidade de portadores de necessidades especiais.

quinta-feira, 22 de abril de 2010

Crise na Busscar: Em todo o mês de abril apenas dois ônibus foram fabricados

0 comentários
Nesta véspera de feriado, a direção da Busscar Ônibus se reuniu e conversou com os funcionários da fábrica pedindo paciência, porém, de acordo com alguns funcionários, a empresa não apontou uma saída para a crise que vem enfrentando há um bom tempo. Diversas empresas que tinham até o fim do ano passado, chassi no pátio da Busscar, acabaram retirando-os de lá e encaminhando para outros fabricantes como Marcopolo, Irizar e Comil.

Com a esperança de notícias melhores, os funcionários ficaram frustrados, já que o tema que mais os interessavam eram o pagamento do 13º e a recuperação financeira da empresa, não foram discutidas, simplesmente foram deixadas fora da pauta.

FOTO: DIVULGAÇÃO

"A Busscar pediu paciência. Eles afirmaram que vão se recuperar da situação, mas não apontaram nenhuma solução", diz o presidente do Sindicato dos Mecânicos de Joinville e Região, João Bruggmann. "Eles afirmam que vão pagar, mas queremos saber como. Os funcionários nos disseram que, em todo o mês de abril, apenas dois ônibus foram fabricados. Como vão garantir o salário do próximo mês sem produção?", questiona o sindicalista.

O sindicato e a empresa têm uma reunião marcada para amanhã pela manhã, na Associação Empresarial de Joinville (Acij), para discutir o assunto. A conversa com os funcionários pode ser uma forma de evitar mais problemas com a Justiça. O atraso nos salários e benefícios dos ainda funcionários quase resultou em uma ação civil pública. Para evitar o processo, a Busscar entrou em contato com o Ministério Público do Trabalho (MPT) para rever a possibilidade de um acordo administrativo, rejeitado pela empresa em 2009.

terça-feira, 20 de abril de 2010

Rodoviária de Joinville mais florida

0 comentários

Flores. Elas dão as boas-vindas a quem chega à Rodoviária de Joinville. Isso porque a Conurb, administradora do local, tem feito trabalhos periódicos para manter os jardins bem cuidados. Nesta semana, além do plantio de petúnias e beijinhos, uma equipe faz manutenção e limpeza do local com a retirada de ervas daninhas, adubação, roçada e cobertura da terra com chip de madeira.

Segundo Beto Amaral, coordenador de praças e jardins da Conurb, o chip de madeira reduz a temperatura do solo e o mantém úmido. Além disso, diminui a incidência de ervas daninhas, evita que a chuva danifique as plantas e embeleza o jardim. “A Rodoviária é uma das portas de entrada de Joinville e deve reforçar o nome de cidade das flores”, destaca Amaral.

Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.

Na Busscar: As conversas foram adiadas

0 comentários
Busscar promete negociar com sindicato na quinta-feira

Mais uma tentativa de negociação com a diretoria da Busscar acabou frustrada. A assembleia organizada pelo Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Mecânica de Joinville e Região em frente a empresa, ontem pela manhã, resultou em uma nova data para a tão esperada conversa. Na próxima quinta-feira, às 9h30, na sede da Acij, os dirigentes da que já foi uma das maiores exportadoras de Joinville devem sentar frente a frente com o representante da categoria, Ministério Público do Trabalho (MPT) e Ministério de Trabalho para debater o futuro da empresa.

“Falaram que não poderiam nos receber, pois dois executivos estão em São Paulo em busca de recursos. Nossas reivindicações são de mudanças na gestão da empresa, como divisão das ações entre os credores, buscar um modelo jurídico para compartilhar a administração com os empregados ou um pedido de recuperação judicial”, desabafa o presidente do sindicato, João Bruggman.



Foto: João Brugmann discursa na frente da Busscar para quase ninguém.

Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.
Informações: Jornal A Notícia

Frota será prejudicada, diz Bogo (Joinville)

0 comentários
A decisão de Carlito Merss (PT) de não conceder reajuste no passe de ônibus irritou Moacir Bogo, porta-voz das empresas Gidion e Transtusa.

Em março, as empresas protocolaram um documento pedindo que a passagem custasse R$ 2,65. Na semana passada, o primeiro escalão da Prefeitura acenou com a possibilidade de conceder um aumento que ficasse entre R$ 2,50 e R$ 2,55, no máximo. Saindo de mãos abanando da negociação, e garantindo que não irão para a Justiça para conseguir o aumento, as empresas já avisaram que não terão dinheiro suficiente para manter a renovação da frota prevista para 2010.

O primeiro sintoma da decisão do prefeito já foi conhecido. Todo ano, as empresas buscavam comprar 35 veículos para manter a qualidade da frota. Este ano, as empresas já encomendaram dez ônibus, que entram em circulação no começo de maio. Mas a renovação irá parar por aí. Os outros 25 veículos não chegarão às ruas de Joinville. “Interromperemos o cronograma de renovação. A população perderá. Não vamos chegar nem perto de substituir a quantidade de ônibus necessários para manter a qualidade da operação”, avalia Bogo.

Outra consequência será o jogo duro que as empresas farão com os funcionários das empresas. Segundo Moacir Bogo, agora a negociação vai precisar ser mais severa. “Terão de entender que saímos sem nada da Prefeitura. Terão de entender que vamos precisar mudar a época de discussão do aumento dos funcionários de maio para janeiro”, argumenta.

Mesmo insatisfeito com o resultado das negociações, o empresário espera que a Prefeitura consiga cumprir o que prometeu, para compensar o que foi considerado uma perda financeira. “Eles prometeram atacar os pontos negros onde perdemos velocidade por causa dos engarrafamentos. Isso nos vai faltar na pontualidade. São fatores que acabam encarecendo a passagem e gerando desconforto para os passageiros. Caso cumpram o que prometeram, já será um grande avanço”, reforça.


Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.
Informações: Jornal A Notícia.

“Reajuste em Joinville será transparente"

0 comentários
CARLITO MERSS / PREFEITO DE JOINVILLE

Por uma questão de agenda, o prefeito Carlito não conversou diretamente com a reportagem de “AN”. Abaixo, a respostas às perguntas que o jornal enviou à assessoria de imprensa.

A Notícia – Neste ano, o senhor alegou que agora era possível o acompanhamento mais eficiente da planilha. Os dados apurados agora indicaram a não necessidade do aumento? Ou houve decisão política, com objetivo de impacto positivo junto aos usuários?

Carlito Merss – Conhecemos plenamente o sistema e decidimos pela manutenção da tarifa para otimizar o acesso ao usuário e preparar condições para o processo licitatório. O reajuste em janeiro será anual e o primeiro mantém a periodicidade dos dois últimos, isso num cenário de estabilização econômica e baixa inflação.

AN – O fim da gratuidade para 60/64 anos, obtida pelas empresas na Justiça não contribuiu para que as permissionárias ficassem sem reajuste agora?

Carlito – Não.

AN – Em janeiro de 2011, não há o risco de o reajuste não concedido agora ter de ser compensado, com aumento levando em conta todo o período sem aumento?

Carlito – O reajuste será concedido de forma transparente, segundo a planilha e as condições suplementares de desoneração do sistema.

AN – Há possibilidade concreta de subsídio para o ano que vem, que venha a ter impacto suficiente para impedir novo aumento?

Carlito – Essa questão será definida no período do reajuste, obedecendo a conveniência e a capacidade financeira do município.



Matéria: Gustavo Campos - SFS Ônibus Joinville.
Informações: Jornal A Notícia.

segunda-feira, 19 de abril de 2010

Carro bate na traseira de ônibus na rua Albano Schmidt, em Joinville

0 comentários
Acidente aconteceu quando transporte coletivo parou em uma parada

Por volta das 12h30min, um carro acabou batendo em um ônibus da Transtusa na rua Albano Schmidt, no bairro Boa Vista, em Joinville.

Segundo informações dos bombeiros, não há um desvio para o ponto de parada de ônibus. O motorista do transporte público parou e o carro acabou batendo na traseira.

O motorista do carro Graciano Dias, 25 anos, foi levado ao Hospital São José com fraturas nas mãos e tórax. Graciano foi liberado no início da tarde.

Matéria: Gustavo Campos - SFS ônibus Joinville.

Ônibus coletivos de Teresina serão padronizados

0 comentários
A Prefeitura de Teresina, por meio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (STRANS), está realizando a padronização dos 500 coletivos que compõem as 91 linhas de ônibus da cidade de Teresina. todos os carros serão pintados na cor verde hall e terão uma logomarca do Sistema de Transporte de Teresina.

FOTO: DIVULGAÇÃO CIDADE VERDE 

A padronização faz parte do novo regulamento do serviço de transporte coletivo urbano de Teresina. Pela nova legislação, os ônibus da zona Norte serão na cor verde bandeira, Sul amarelo, Leste vermelho, Sudeste Azul, Circular laranja e a linha diametral (que liga duas zonas opostas) será cinza.

De acordo com a Diretora de Transportes Públicos da STRANS, Alzenir Porto, a medida facilitará a utilização desse serviço. “Queremos que a população identifique o sistema de transporte não por empresa, mas por linhas. Isso já faz parte do processo de integração que será feito em nossa cidade”, acrescentou.

O superintendente da STRANS, Ricardo Freitas, ressalta que dois ônibus da empresa Emvipi estão circulando como piloto para saber a reação dos teresinenses. “A padronização facilitará o controle do sistema”, finalizou.

Com informações da Prefeitura de Teresina

Catarinense aposta em ônibus Paradiso 1200 G7 4x2 "Toco"

0 comentários
A Viação Catarinense vem apostando forte nos ônibus da Geração 7 da Marcopolo. Além de disponibiliza diversos modelos em suas principais rotas, a empresa vem apostando no modelo Paradiso G7 1200 com chassi Volvo B9R 4x2. A novidade foi flagrada esses dias em Foz do Iguaçu fazendo a linha Assunção - Foz do Iguaçu - Criciúma.

FOTO: DOUGLAS - DIVULGAÇÃO COMUNIDADE BUSÓLOGOS DE SC



A empresa não informa quantos veículos nesta configuração foram adquiridas, porém, há informações de que em baixa temporada a empresa deverá mesmo é utilizar veículos "toco".

Prefeitura de Joinville anunciou nesta manhã que a cidade não terá reajuste de ônibus em 2010

0 comentários
A Prefeitura de Joinville anunciou nesta manhã que Joinville não terá reajuste de ônibus em 2010. A decisão já foi comunicada aos empresários. As duas empresas queriam que passagem subisse de R$ 2,30 para R$ 2,65.

Em determinado momento da negociação, foi aventada a possibilidade da oferta de R$ 2,55. No entanto, Carlito desistiu de conceder qualquer aumento. Mais informações sobre a negativa do aumento ao longo do dia no AN.com. A cobertura completa amanhã.

Com informações: A notícia.

domingo, 18 de abril de 2010

Penha oferece passagem entre São Paulo e Porto Alegre a partir de R$ 59,90

0 comentários
Depois que começou a disponibilizar promoções tentadoras em seu site no trecho Rio x Curitiba x Rio, agora a empresa Nossa Senhora da Penha, passa a brigar por passageiros no trecho São Paulo x Porto Alegre x São Paulo, oferecendo passagens a partir de R$ 59,90. Também no trecho, a Pluma que opera a linha, vem oferecendo a passagem mais barata no serviço convencional por R$ 101,00.
 
Os valores são promocionais e exclusivos para compra apenas pela internet. O valor promocional de R$ 59,90 refere-se a venda das cinco primeiras passagens vendidas por horário convencional no trecho, e exclusivamente pelo site da empresa, não podendo ser comprada nesta valor por telefone e nem nos guichês da empresas e nos terminais rodoviários.

Ainda de acordo com o site da Penha, a promoção é válida até o dia 30 de junho ou quando houve disponibilidade de vagas nas poltronas.

Com informações: Revista do ônibus.

sábado, 17 de abril de 2010

ALESC aprova emenda reduzindo idade p/ transporte intermunicipal gratuito

0 comentários
A Assembleia Legislativa de Santa Catarina aprovou em segundo turno, nesta quarta-feira, a emenda que diminui a idade mínima para gratuidade nos transportes públicos coletivos intermunicipais. A idade limite, que antes era de 65 anos, passou para 60. Outro pré-requisito é que a pessoa receba no máximo dois salários mínimos.

As empresas de transporte intermunicipal deverão reservar duas vagas gratuitas por veículo. Se a demanda foi maior que o número de assentos reservados, os idosos deverão ter um desconto, no mínimo, de 50% no valor das passagens.

Empresa foi destaque em Responsabilidade Ambiental

0 comentários
Caxias do Sul (RS), 15 de abril de  2010 - A Marcopolo, uma das líderes mundiais no desenvolvimento de soluções para o transporte coletivo de passageiros, conquistou o prêmio “As 100 Melhores em Cidadania Corporativa 2010”, na categoria Destaque Especial no Pilar Responsabilidade Ambiental, realizada pela Gestão & RH Editora. Paulo Cassane, coordenador da filial São Paulo da Marcopolo, recebeu a premiação, hoje, no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo.

Na sua 4ª edição, a pesquisa “As 100 Melhores Empresas em Cidadania Corporativa 2010” teve como objetivo analisar o atual estágio em que se encontram as maiores empresas em termos de práticas de responsabilidade socioambiental e fazer o ranking das principais companhias nessa área. O estudo ressalta os quatro pilares que interpretam a realidade da cidadania corporativa no contexto brasileiro: responsabilidade social, gestão ambiental, ética e relacionamento com acionistas, e qualidade de vida no ambiente de trabalho.


“O Prêmio Melhores em Cidadania Corporativa é um reconhecimento à gestão da nossa empresa e sua conduta socioambiental. É também motivo de muito orgulho porque ressalta o foco na preservação do meio ambiente e no bem-estar dos nossos colaboradores e da comunidade”, explica Paulo Cassane.

Rodoviários do Município do Rio de Janeiro ameaçam parar todos os 8.600 coletivos no dia 26

2 comentários
A disputa por poder no Sindicato dos Rodoviários novamente ameaça deixar a pé os 3,4 milhões de passageiros de ônibus da capital. Um grupo dissidente liderado pelo desempregado Ronaldo Farias afirma que prepara outra paralisação para o dia 26. Na segunda-feira, o movimento surpreendeu a cidade ao impedir, sem aviso, a circulação de cerca de 1.600 ônibus, prejudicando mais de 120 mil pessoas. A pretensão é parar todos os 8.600 coletivos do Rio.

O grupo exige reajuste salarial de 15%, bonificação de 30% para motoristas que atuam como cobradores, entre outros benefícios. Mas um acordo coletivo homologado em março pelo Ministério Público do Trabalho estabelece aumento de 5% para a categoria. A Justiça do Trabalho considerou a greve ilegal.

O presidente do Rio Ônibus, Lélis Teixeira, alertou anteontem o secretário estadual de Segurança, José Mariano Beltrame, e o de Transportes do Rio, Alexandre Sansão. O Batalhão de Choque já está de prontidão contra piquetes.

— A greve do dia 12 foi um aviso. No dia 26, a paralisação será geral. E queremos ser atendidos até o dia 21 — ameaça Ronaldo Farias, derrotado na eleição para presidente do sindicato, em 2008.

— A população será, mais uma vez, quem vai sofrer caso esta paralisação irresponsável seja realizada novamente — diz Alexandre Sansão.

O presidente do Rio Ônibus classificou o motivo dos dissidentes como infantil: — Isso é abusivo. O prejuízo maior é privar milhares de pessoas por um motivo pueril, uma briga de sindicato. Ninguém pode ser refém disso.

— Tem um grupo aí que quer briga, e rodoviários se aproveitando para se vingar dos desmandos das empresas — diz o vice-presidente do sindicato, Oswaldo Garcia

Também derrotado na eleição e acusado pelo sindicato, Sebastião José da Silva nega envolvimento com a greve.

Com informações do Extra

sexta-feira, 16 de abril de 2010

MP decide investigar responsabilidade pela morte de rapaz em parada de ônibus em Porto Alegre

0 comentários
O Ministério Público Estadual decidiu apurar de quem foi a responsabilidade pela morte do jovem Valtair Jardim de Oliveira, de 21 anos, na última terça-feira, em uma parada de ônibus na Avenida João Pessoa, na Capital. Oliveira levou um choque fatal ao se encostar na estrutura da parada que fica em frente às faculdades de Direito e Economia da Ufrgs.

Segundo o promotor da Promotoria de Defesa do Patrimônio Público Cesar Faccioli também serão apuradas como são feitas a fiscalização e manutenção das paradas e terminais de ônibus da Capital.

— Ao analisar e investigar essas causas, é possível identificar a deficiência na manutenção e ou fiscalização dos terminais de ônibus na Capital, especialmente as condições de segurança dos usuários. São expedientes que tem, além daquele conteúdo tradicional de identificação e personalização de culpa, culpa grave, dolo e responsabilização pessoal dos culpados também tem um viés de personalização de culpa administrativa no sentido de deficiência dos serviços públicos — explicou o promotor.

Técnicos da CEEE e da Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov) estiveram na parada na manhã desta sexta-feira, onde fizeram uma nova vistoria. Uma luminária do poste que estava energizada foi recolhida para análise. Segundo o secretário da Smov, Cássio Trogildo, os técnicos estão fazendo um relatório das conclusões da investigação.

Trogildo afirmou que ainda não foi descoberto o motivo da fuga de energia que provocou a descarga elétrica mas que a solução estaria próxima. A parada foi liberada pelos técnicos, mas a energia não foi ligada.


Durante o trabalho dos técnicos, o pai do jovem morto esteve no local para cobrar a prefeitura que prometeu bancar as despesas com o enterro.

A fundação de Assistência e Cidadania já conversou com os familiraes e aguarda a nota fiscal com as despesas para pagar o funeral.

Com informações: Rádio Gaucha.
Texto: Zero hora.

Aniversário de Brasília terá ônibus extras e Metrô gratuito

0 comentários
O aniversário de Brasíia causará mudanças no transporte público na próxima quarta-feira (21/4). Ônibus extras circularão nas ruas do Distrito Federal durante as comemorações do cinquentenário. Além disso, não haverá cobrança no Metrô.

Segundo o Transporte Público Urbano (DFTrans), os ônibus atenderão passageiros que se deslocarem para as comemorações dos 50 anos da capital. O reforço será em todas as linhas que seguem das cidades satélites para a Esplanada dos Ministérios, das 7h de quarta-feira (21/4) até as 4h de quinta (22/4). De acordo com o órgão, a quantidade de carros poderá aumentar conforme a demanda ao longo do dia. As passagens continuam com preço normal.

Metrô-DF
A tarifa será gratuita para usar os trêns do Metrô-DF no dia 21. No entanto, passageiros devem ficar atentos aos horários especiais de funcionamento.

Todas as estações operam normalmente das 7h às 14h. A partir desse horário, a Estação Central funcionará apenas com embarque para Ceilândia e Samambaia. A Galeria terá desembarque obrigatório para os trens com destino ao Plano Piloto.

A partir das 23h, a Estação Central atenderá apenas embarques com destino a Ceilândia e Samambaia. As demais estações estarão fechadas para embarque, permitindo apenas o desembarque. As atividades se encerram às 2h30 de quinta-feira (22/4).

Com informações: Correio Braziliense.

Em SP, ônibus fretados invadem Av. dos Bandeirantes

0 comentários
Motoristas de ônibus fretados aproveitam a melhora no trânsito da Avenida dos Bandeirantes, na zona sul de São Paulo, para invadir as faixas do meio e da esquerda. Os caminhões saíram da avenida e migraram para o Rodoanel, após a inauguração do Trecho Sul, há duas semanas. Para quem passa na Bandeirantes de carro, apesar de enfrentar menos lentidão, encontra agora os ônibus no lugar dos caminhões.

Segundo a Secretaria Municipal de Transportes, os fretados são proibidos de circular nas faixas da esquerda. Na manhã de ontem, no entanto, a reportagem flagrou diversos coletivos particulares nessas faixas.

A Prefeitura afirmou que a via está sinalizada sobre a proibição de veículos pesados na faixa da esquerda e é fiscalizada pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Mas a administração municipal não informou o número de fretados multados - disse que não é possível separar ônibus de caminhões também autuados na avenida.

Um dos motivos para a invasão das faixas seria a grande quantidade de buracos e o asfalto ondulado das pistas da direita - que passa por recapeamento desde terça-feira. O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros por Fretamento e de Turismo de São Paulo (Transfretur) condena o comportamento dos motoristas. "Se houver algum veículo na faixa da esquerda, ele está irregular e cabe às autoridades de trânsito multar o infrator."

Com informações: Estadão e Jornal da Tarde.

CEEE e Smov fazem reunião para evitar novos acidentes em paradas de ônibus de Porto Alegre

0 comentários
Na tarde desta sexta-feira, técnicos da SMOV e CEEE se reuniram para verificar o plano de ações que visa evitar novos acidentes. O encontro realizou-se em função do acidente que vitimou um jovem em parada de ônibus no centro de Porto Alegre, na madrugada de quinta-feira.

No final da manhã desta sexta-feira, a parada de ônibus na avenida João Pessoa foi liberada. Técnicos da SMOV recolheram luminária de um dos postes que estava energizado. A previsão é de que o laudo do Instituto Geral de Perícias, que poderá apontar as causas da descarga elétrica que matou o jovem Valtair Jardim de Oliveira, de 21 anos, seja divulgado na próxima terça-feira.

Com informações: Zero Hora

Embarque de ônibus e caminhões é liberado para travessia no ferry boat (Salvador)

0 comentários
O embarque de ônibus e caminhões altos já está liberado para a travessia para a Ilha de Itaparica, segundo informou a assessoria de comunicação da empresa que regula o sistema ferry boat, na manhã desta sexta-feira, 16.

O temporal que caiu em Salvador e os fortes ventos na Baía de Todos os Santos nos últimos dias, fizeram com que a TWB suspendesse o serviço na última terça-feira, 13.

Apesar da chuva ter diminuído, o fluxo de passageiros está reduzido nesta manhã, afirmou a assessoria. Dois navios seguem a escala oficial de partidas para atender a demanda. De acordo com a empresa, em caso de maior procura, outras duas embarcações permanecem disponíveis para navegar a qualquer momento.

Com informações: A Tarde Online

Empresa Manoel Rodrigues é vendida, afirma jornal

0 comentários
A empresa de ônibus Manoel Rodrigues de Avaré (100 quilômetros de Bauru) foi vendida para a holding Conforte Administração e Participações S/A ligada ao grupo Constantino dono da empresa aérea Gol. Em Bauru, ela tem a linha intermunicipal que faz a ligação com Santa Cruz do Rio Pardo e Ourinhos, mas tem a permissão de linha para São Paulo e Campinas na região de Avaré e Ourinhos. Os valores da negociação não foram divulgados.

O diretor de operações da Manoel Rodrigues, Antonio Di Lanna, informou ontem que a nova empresa assumiu no final de março. Até setembro, 30 dos 77 veículos da frota serão trocados. Também vai adotar a cor azul, igual a Princesa do Norte, do mesmo grupo com linha intermunicipal e interestadual.

FOTO: FRANCISCO IVANO - DIVULGAÇÃO

Segundo Lanna, será possível uma maior interligação dos passageiros com as linhas da Manoel Rodrigues com a Princesa do Norte, com linhas para o Paraná e Brasília.

Semana que vem sai decisão sobre reajuste

0 comentários
Ficou para a próxima semana a decisão sobre o reajuste da passagem de ônibus. Em reunião interna, realizada ontem em seu gabinete, o prefeito Carlito Merss não chegou a um consenso sobre a contraproposta que vai oferecer às empresas Gidion e a Transtusa. Na semana que vem, as empresas serão convidadas para um encontro, onde será definido o valor. A informação foi confirmada pela secretária Maria Ivonete Peixer.

Com os dados da planilha em mãos, Carlito conversou com os técnicos do Seinfra sobre várias interpretações. Estiveram em discussões a possibilidade de aumento de R$ 2,50 até R$ 2,55. As empresas protocolaram um pedido de R$ 2,65. No ano passado, o prefeito ignorou a planilha e deu o aumento seguindo a inflação. Enquanto a Gidion e Transtusa queriam 17%, Carlito concedeu 12,2%. Ontem, o diretório acadêmico da Univille fez uma assembleia sobre o transporte. Depois, os estudantes foram aos departamentos e à reitoria entregar uma carta pedindo apoio na luta contra o aumento.

Matéria: Gustavo Campos - SFS ônibus: | Blog | Site |.

Acidente com transporte coletivo deixa dois feridos em Joinville

0 comentários
Nesta sexta, próximo às 11 horas, ocorreu um acidente entre um ônibus e um carro, na avenida Juscelino Kubistchek, em frente à feira artesanal, da praça Lauro Müller. O motorista do carro sinalizou que entraria na rua lateral. Já o funcionário da empresa de transporte, Roque Berbardo Bach, afirma não ter visto o outro veículo.

— Ele veio pela cavaleta do ônibus —, disse.

No ônibus, haviam 15 passageiros. Dois deles tiveram ferimentos leves e aguardaram atendimento. A vendedora Luciane Francine, 22 anos,  levantou-se para descer no último ponto de ônibus, porém, com o acidente, ela caiu nos degraus. A artesã Marilda de Melo escutou foi socorrê-la.

— A freada do ônibus já deu um susto na gente —, explica.

Depois, Marilda acompanhou Luciane até a loja onde a moça trabalha.

Foto: Pena Filho

Sérgio Vargas também teve seu trajeto interrompido.

— Eu estava indo para o  trabalho. Do fundo do ônibus, eu vi que as pessoas se levantaram para descer. Elas bateram nas catracas e eu bati no banco.

Sérgio machucou a perna esquerda e sentiu dificuldade para andar.

Os dois motoristas envolvidos aguardaram no local, para a realização da perícia.

— Agora tenho que arcar com os meus prejuízos e com os da empresa —, afirmou o motorista Peterson Romulado, 31 anos.

Com informações: A Notícia.

Empresa culpa motoristas por acidente com ônibus de transporte coletivo em Joinville

0 comentários
A empresa de ônibus Gidion apresentou nesta quinta-feira o resultado de uma investigação interna sobre o acidente de quarta-feira à tarde, entre dois ônibus do transporte urbano de Joinville, no terminal do Vera Cruz, no bairro Floresta, em que aponta que a colisão ocorreu por falha humana.

Segundo a empresa, o motorista que fazia a linha Sul-Centro e deixava o terminal deveria ter parado o veículo para confirmar se havia condições de sair do terminal. A Gidion também declarou em nota que o condutor do ônibus da linha Itinga, que chegava ao terminal, não desviou do outro veículo, que estava mal posicionado para realizar a manobra.

Pela nota distribuida pela empresa, os dois motoristas foram afastados para se recuperar psicologicamente. Antes de voltarem ao trabalho, passarão por cursos de reciclagem. Os tacógrafos (equipamento que registra a velocidade dos veículos), segundo a empresa, indicavam velocidade inferior a 20 km/h.

Os motoristas, que sofreram ferimentos leves, já deixaram o hospital, assim como os passageiros que estavam nos dois ônibus e que tiveram de ser encaminhados a hospitais para tratar lesões leves.

Veja matéria anterior.


Com informações: A Notícia.

Intensificado monitoramento de paradas de ônibus

0 comentários
Técnicos da Equipe de Mobiliário e Sinalização da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), numa ação conjunta com a Divisão de Iluminação Pública da Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov), prosseguem com ações de monitoramento das paradas de ônibus da Capital.

Além de 200 paradas de ônibus fora dos corredores, que recebem energia elétrica, a programação de revisão inclui os seguintes pontos em estações dos corredores: João Pessoa, oito paradas; Azenha, quatro; Bento Gonçalves, dez; Osvaldo Aranha, seis; Farrapos, 12; Assis Brasil, 14; Sertório, seis; 3ª Perimetral, 42; Baltazar de Oliveira Garcia, 18.

Com informações: Prefeitura de Porto Alegre.

Rio ganhará em breve serviço de City Tour novamente

0 comentários
FOTO: REPRODUÇÃO DE INTERNET - YAHOO BRASIL - RJ ÔNIBUS
DSC_0314
Batizado de City Rio, ou Sightseeing, o projeto da Linha Turística carioca deve sair ainda este ano na Cidade Maravilhosa.

O Rio de Janeiro que em 2000 operava o serviço com um modelo Busscar Urbanus Plus foi sinônimo de conforto e atraiu milhares de turistas. Desta vez, o projeto pretende voltar com força total, e para isso traz uma grande novidade no mercado nacional.

O novo ônibus é um modelo urbano estilo rodoviário da encarroçadora gaúcha Neobus. Equipado com chassi Scania, o modelo é totalmente diferente dos demais utilizados em outras capitais brasileiras, como Porto Alegre, Curitiba, Florianópolis, Cuiabá, Salvador e Manaus.

Após a divulgação da foto na internet, passamos a receber diversos e-mails de leitores querendo saber mais detalhes do novo serviço. A informação que temos é que a Breda Rio, empresa que opera turismo e fretamento em todo o Grande Rio que assumirá o serviço na cidade. Ainda não foi divulgado detalhes sobre o serviço, como trajeto, pontos de parada, horários e valores do bilhete turístico. Por outro lado, o site do projeto CityRio.com.br ainda enocntra-se fora do ar.

Procurados por nossa equipe para comentar o assunto, a Breda Rio e a Neobus, fabricantes do ônibus não responderam aos nossos contatos até o fechamento desta matéria.

Veja abaixo alguns dos modelos usados no Brasil:
Florianópolis




Salvador

Brasilia

Manaus

Porto Alegre

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Parada de ônibus onde jovem morreu é novamente interditada em Porto Alegre

0 comentários
A parada de ônibus onde um jovem morreu na terça-feira foi mais uma vez interditada, hoje, após reunião do prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, com técnicos e dirigentes da CEEE, EPTC e Secretaria Municipal de Obras e Viação (Smov).

Segundo o prefeito, um poste dentro da parada estava energizado, porém, ainda não se descobriu o ponto de fuga de energia que ocasionou o choque. Fortunati assumiu a responsabilidade:

— Não podemos punir alguém de forma individualizada sem que a sindicância aponte. Isso é irresponsabilidade e não faremos. Estamos assumindo a responsabilidade, mas quero que a sindicância aponte tecnicamente o que aconteceu.

Segundo o prefeito, a parada de ônibus ficará fechada até que a situação seja resolvida. Amanhã, a partir das 10h, técnicos da prefeitura e da CEEE vão até o local tentar resolver o problema e descobrir o que causou a descarga elétrica.

A Polícia Civil investiga a possibilidade de homicídio culposo e aguarda laudo da perícia para apontar as responsabilidades. Segundo o Instituto Geral de Perícia (IGP), o laudo deve ser entregue até a próxima terça-feira.

Técnicos da EPTC continuam monitorando as paradas de ônibus da Capital. Além de 200 paradas fora dos corredores, que recebem energia elétrica, a programação de revisão inclui pontos das avenidas João Pessoa, Azenha, Bento Gonçalves, Osvaldo Aranha, Farrapos, Assis Brasil, Sertório, Terceira Perimetral e Baltazar de Oliveira Garcia.

Na manhã desta quinta-feira, duas paradas localizadas na Avenida Assis Brasil chegaram a ser fechadas para que o Departamento de Iluminação Pública (DIP) pudesse fazer a manutenção dos postes de iluminação que estavam energizados. Durante a tarde, as paradas foram liberadas para os usuários.

Avenida Rio Branco será fechada em junho para testes do projeto de parque (Rio)

0 comentários
FOTO: THIAGO CRESPO - DIVULGAÇÃO

Um grupo de 115 linhas de ônibus que circulam atualmente pela Avenida Rio Branco começará a ser redistribuído pela prefeitura, abrindo caminho para o projeto de transformação da via num grande parque urbano para pedestres, de dois milhões de metros quadrados, como foi anunciado no ano passado. Para testar a reorganização do trânsito, a Rio Branco será fechada em junho, como mostra reportagem do jornal "O Globo", deste sábado.

O desembarque dos coletivos deve acontecer em duas estações de transferência perto da Praça Tiradentes e do Terminal Misericórdia, na Praça Quinze. Além disso, outras linhas vão fazer ponto final nos terminais Américo Fontenelle e Procópio Ferreira, na Central do Brasil. De acordo com o secretário municipal de Urbanismo, Sérgio Dias, a meta é reduzir em 50% o número de ônibus que passam pela avenida, cerca de 1.800 veículos, atualmente.

Um levantamento feito pela prefeitura para o projeto de transformação da Rio Branco em parque urbano mostra que os ônibus rodam pela avenida, em média, com apenas 40% de sua capacidade. A situação é agravada pela circulação de centenas de táxis, o que torna o trânsito do local caótico. O secretário de Urbanismo, Sérgio Dias, não informou quantas linhas de ônibus deverão ser extintas ou transferidas para outras vias. Mas adiantou que o governo estadual deverá participar da reorganização do sistema, já que muitas das linhas são intermunicipais.

O projeto do parque foi anunciado no ano passado. Além da alteração do itinerário dos ônibus, os pontos de táxi também serão redistribuídos. No parque urbano, em uma área delimitada pelas avenidas Presidente Vargas, Beira-Mar, Passos, República do Paraguai, Presidente Antônio Carlos e pela Rua Primeiro de Março, apenas vão poder trafegar ônibus elétricos ou movidos a gás natural, em seis linhas especiais gratuitas que serão criadas.

Com informações do O Globo

Sindicato dos Trabalhadores de Joinville e Região faz assembléia com funcionários da Busscar

0 comentários
O Sindicato dos Trabalhadores na Indústria Mecânica de Joinville e Região fez, durante esta manhã, uma assembleia com funcionários e ex-trabalhadores da Busscar. Segundo estimativa da Polícia Militar, cerca de 400 pessoas participaram do movimento que tinha como objetivo apresentar três alternativas para a diretoria da empresa em relação aos débitos e falta de pagamentos. 

— A primeira saída seria transformar as dívidas em ações, a segunda, criar uma comissão para compartilhar a administração com os funcionários e a terceira buscar uma recuperação judicial. Mas infelizmente, fui informado de que a diretoria da empresa está em Minas Gerais, em busca de recursos e soluções, pois informaram não saber da assembleia — afirma o presidente do sindicato da categoria, João Bruggman.

Foto:Salmo Duarte

— Foram correr atrás de soluções enquanto a melhor opção pode estar aqui. Lamentamos o fato e vamos protocolar um pedido de nova reunião na segunda-feira, dia 30, para reunir sindicato, trabalhadores, diretoria da Busscar e Ministério Público do Trabalho — complementa.

A Busscar deve o 13º e pagou em duas parcelas o salário do mês de março. Além disso, vem atrasando as prestações das rescisões de 1.138, que assinaram o plano de demissão incentivado. 

A empresa espera que o Ministério da Fazenda pague R$ 610 milhões referentes aos créditos de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI), conquistados pela companhia em decisão judicial definitiva, mas o secretário executivo do Ministério da Fazenda, Nelson Machado, informou à senadora Ideli Salvatti que o pagamento não será feito. 

A Busscar por entrar com uma ação judicial contra o secretário da Receita Federal, responsabilizando-o pessoalmente por descumprir a sentença.

Com informações: A Notícia.

ReiTur comemora 30 anos apresentando sua nova frota de ônibus Marcopolo G7 Scania

0 comentários
FOTO:DIVULGAÇÃO

A Reitur Turismo, empresa de fretamento e turismo, celebra 30 anos com a aquisição de mais dez carros em sua frota de veículos. Com investimentos de R$ 5 milhões, os ônibus novos receberam layout ousado, nas cores vinho e dourado na escrita, e estão mais confortáveis. Até o segundo semestre, os 42 carros restantes serão padronizados.

Na noite desta terça-feira os novos ônibus foram apresentados a imprensa e demais segmentos do transporte em uma Churrascaria na Zona Sul do Rio de Janeiro. Estiveram presentes os diretores das empresas Reitur Turismo e da Real Auto Ônibus, além da equipe do Clube do Trecho e demais convidados.

Controle de embarque será feito com selo na rodoviária de Joinville

0 comentários
A partir de agora, todos os embarques na Estação Rodoviária Harold Nielson, de Joinville, precisam de um selo de fiscalização da tarifa de utilização (TU). O selo será obrigatoriamente fixado no bilhete de passagem, para todos os embarques realizados na rodoviária, independentemente do local que o bilhete tenha sido adquirido.

Até 40 quilômetros, a taxa é de R$ 1,35. Acima, custa R$ 2.

Com informações: A Notícia.

Prefeitura de Joinville sinaliza a tarifa de ônibus até R$ 2,55

0 comentários
A Prefeitura de Joinville deve apresentar nesta quinta na mesa de negociações o valor de R$ 2,50 a R$ 2,55 como contraproposta para o pedido de aumento na tarifa da passagem de ônibus feito pelas empresas Gidion e Transtusa.

A equipe técnica da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) chegou a esse número depois de analisar algumas informações. O preço fica abaixo dos R$ 2,65 pedidos pelas empresas que detêm a concessão. Mas ainda fica acima dos 5,30% referentes à inflação dos últimos 12 meses. Se levar em conta esse percentual, a tarifa ficaria em R$ 2,42.

No ano passado, as empresas pediram 17% de aumento, seguindo a planilha de insumos. Mas o prefeito Carlito Merss ignorou a orientação técnica e pagou 12,2% referentes à inflação do período. Nesta quinta, em reunião no gabinete do prefeito, com presença do Ippuj e Seinfra, pode sair a nova tarifa.

quarta-feira, 14 de abril de 2010

Em dias de chuva, terminal rodoviário de Teresópolis se transforma em "piscinão"

0 comentários
Mesmo em dias de chuva fraca, os usuários do Terminal Rodoviário José de Carvalho Janotti tem que ficar atentos para não ficarem molhados enquanto aguardam os coletivos. O problema das goteiras em toda a extensão da área de embarque e desembarque é antigo e, a cada dia que passa, fica pior em um dos principais pontos de entrada e saída de turistas do município. Além das goteiras, os usuários reclamam de outros problemas, como a falta de relógios e televisões, buracos no calçamento da área de acesso dos coletivos e a falta de informações turísticas corretas.

Equipes de um jornal local foram ao terminal na manhã desta terça-feira, fazendo reportagem sobre o problema nas viagens para o Rio de Janeiro por causa do temporal naquela cidade. Durante a apuração da matéria, usuários e comerciantes locais pediram que fosse feita – mais uma vez – denúncia sobre a situação precária do terminal. E avistar os problemas mencionados pelos reclamantes não foi difícil. Aliás, é quase impossível não percebê-los.

O principal deles é a grande quantidade de goteiras por causa do antigo e furado telhado, além de uma telha quebrada após a queda de um funcionário quando justamente fazia reparos no local, há mais de um mês. Por conta disso, há várias “piscinas” na área de embarque e desembarque, impedindo a utilização de alguns bancos e causando ainda mais desconforto aos usuários. “Ficamos mais molhados aqui dentro do que do lado de fora”, brincou o aposentado Geneci Vieira, morador da localidade de Santa Rita.

A prefeitura de Teresópolis informou que já foi solicitado um projeto, já em fase de conclusão, de reforma e modernização das instalações da rodoviária. A previsão é que o processo licitatório tenha início nos próximos dias e que a obra seja iniciada até junho deste ano.

Com informações do Jornal O Diário

Este ano haverá greve do Sintraturb em Florianópolis

0 comentários
SINTRATURB Página InicialO Sintraturb (SINDICATO DAS EMPRESAS DO TRANSPORTE URBANO DA GRANDE FLORIANOPOLIS) anúncio em seu informativo (Jornal do Ônibus) que há possibilidade de acontecer uma greve do sindicato no mês de Maio.
No informativo consta que os pedidos referentes ao reajuste salarial da categoria já foram enviados a prefeitura e caso não sindicato e prefeitura não entrem em acordo poderá haver uma greve da categoria.

Clássico de domingo terá ônibus extras para torcedores

0 comentários
A Secretaria de Transportes, Mobilidade e Terminais determinou a colocação de ônibus extras para o clássico entre Avaí e Figueirense, que decidirão o segundo turno do campeonato catarinense no próximo domingo, 18, às 16 horas, na Ressacada. Os torcedores poderão contar com veículos além do quadro de horários na linha Corredor Sudoeste, com saídas da plataforma C do TICEN.

Foto: Gustavo Cainã - Divulgação - Bussmania
Os ônibus extras não terão quadro fixo de horários, deixando o terminal sempre que alcançarem sua lotação. No final do jogo a determinação é que sejam colocados ônibus a mais para o Centro de acordo com a demanda de passageiros.

Mais informações sobre os horários de ônibus podem ser obtidas no portal da Prefeitura, no endereço www.pmf.sc.gov.br, ou com o setor de Atendimento ao Usuário da Secretaria de Transportes, Mobilidade e Terminais pelo fone 3324-1517

Com informações: PMF

Acidente entre dois ônibus em Joinville.

0 comentários
No final da tarde do dia 14/04/2010, houve uma colisão entre dois ônibus urbanos no terminal do Vera Cruz, no Floresta em Joinville por volta das 18:00h.

Um dos veículos estava lotado de passageiros enquanto saia do terminal, já o outro ônibus chegava ao terminal quando aconteceu a batida. 
Vinte (20) pessoas ficaram feridas e foram atendidas no terminal e até dentro dos ônibus.Como o ônibus da linha Itinga estava chegando ao terminal quando colidiu com outro ônibus, da linha Sul-Centro, a maioria dos passageiros estava em pé e acabou sofrendo traumatismos e escoriações, mas pela avaliação dos socorristas, ninguém se feriu gravemente.
— Os feridos foram encaminhados, de acordo com a gravidade dos ferimentos, para hospitais e PAs (Pronto Atendimentos) da cidade, mas apenas duas pessoas que tiveram traumatismos cranianos leves e inspiravam mais cuidado — disse o médico do Samu, Fábio Selbach em entrevista ao DC.

Passageiros do ônibus e testemunhas do acidente insinuam que a batida possa ter sido provocada pela pressa dos motoristas em cumprir seus itinerários.

— Quem vem do KM 4, Escolinha, Itinga e imediações, chega alí na entrada do Terminal próximo ao sinaleiro, as vezes desce sem olhar o que vem atrás ou na sua frente e não desce tão devagar. Os fiscais nas fotos, nos quais conheço muito bem, são muito profissionais, devem ter ficado em "pandareco" e creio que devem ter ficado muito brabos com tal situação e outra, os passageiros que alí presenciaram o fato devem ter protestado ou até agora estão criticando a irresponsabilidade, que na minha opinião foi do motorista do   10511 (ônibus da foto acima) que estava na Estrada Paratí. — disse Gustavo Campos, busólogo de Joinville.

A Gidion, empresa responsável pela linha, informou que vai apurar as causas do acidente e que a prioridade foi dar suporte ao atendimento dos feridos e regularizar o serviço, para não prejudicar os usuários. Mas, de antemão, o gerente de operações da empresa, Alcides Bertoli, argumentou que um indício de que os ônibus não estavam acima da velocidade recomendada é que eles bateram e não se deslocaram.

Rapaz morre após receber descarga elétrica em ponto de ônibus no RS

0 comentários
Um estudante de 21 anos morreu ao sofrer um choque elétrico em uma parada de ônibus no fim da noite de terça-feira na avenida João Pessoa, em frente à Casa do Estudante da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), em Porto Alegre. Valtair Jardim de Oliveira, 21 anos, aluno da escola estadual Paula Soares, encostou na grade que separa a parada da pista, levou o choque e morreu na hora. As informações são do jornal Zero Hora.

Segundo a reportagem, uma folha de papel estava colada na parada e alertava para o perigo de choque que, de acordo com moradores da região, acontecia há cerca de um mês. O jornal afirma que técnicos da CEEE - empresa responsável pela energia elétrica na região - tentam localizar a fonte de energia que causou o choque. A Polícia Civil investiga o caso.

Ônibus atolado na praia passará por manutenção

0 comentários
O ônibus que atolou em Ilha Comprida, litoral Sul de São Paulo, foi retirado depois de cinco dias. O veículo pegou um caminho arriscado na quarta-feira (7) e atolou na praia. A prefeitura de Ilha Comprida garante que o ônibus vai voltar a circular nas próximas semanas. Ele foi mandado nesta terça-feira (13) para a reforma na oficina de funilaria e mecânica.

FOTO: REPRODUÇÃO DE TV
 
Um turista registrou imagens de como o ônibus ficou quando a maré subiu. A Prefeitura de Ilha Comprida afirma que o trajeto pela praia é comum, porque não tem estradas em todos os lugares para os ônibus circularem. O veículo seguia do Centro ao Balneário Pedrinhas. A operação de retirada deu certo apenas na noite desta segunda-feira (12). Depois de cinco dias atolado na praia, o ônibus foi retirado, com a ajuda de nada menos que seis guinchos. 

Com informações da Tv Globo

Ibrava lança o mais novo ônibus elétrico

0 comentários
Desde a manhã desta segunda-feira, 12, circula pelas ruas de São Paulo, SP, um novo modelo de veículo Trólebus, integralmente desenvolvido por indústrias brasileiras. A carroceria, que pode ser montada com 12, 15 ou 18 metros, é feita em Feliz, pela Ibrava. O chassi é projeto da Tutto-trasporti, de Caxias do Sul, e o motor foi desenvolvido pela Weg, de Jaraguá do Sul, em Santa Catarina. Ainda participam a Iluminatti, de São Paulo, que idealizou a parte eletroeletrônica, a Bosch, que entrou com equipamentos de monitoramente por câmeras e sistemas de informações, e a Dimelthoz, de Caxias do Sul, que forneceu o computador de bordo para gerenciamento técnico e operacional.

FOTO: DIVULGAÇÃO
De acordo com Agenor Boff, presidente da Tuttotrasporti e da Ibrava, o grande diferencial é a possibilidade de uso de energia gerada a partir da incineração do lixo ou o gás metano, proveniente da decomposição dos resíduos, para a movimentação do veículo. O motor usado é refrigerado a água e de alta eficiência para aplicação na linha automotiva. Pesa 500 quilos menos que os convencionais de tração elétrica, o que permite transportar maior número de passageiros, com menor consumo de energia e possibilita sua utilização em veículos de 15 metros e articulados com 18 metros de comprimento.

O ônibus começou a ser testado em linhas da Himalaia, empresa operadora de transporte por meio de veículos elétricos na cidade de São Paulo. Boff argumenta que o veículo passará apenas por homologação burocrática, pois tecnicamente já está aprovado. Ele adianta que negocia com mais três cidades, além de São Paulo, o fornecimento deste novo modelo. Ele reconhece que o veículo terá custo de aquisição superior aos convencionais movidos a diesel. Mas assegura que a operação se tornará muito mais barata pelo menor custo do combustível empregado e pela vida útil, que é de dez anos contra cinco dos ônibus a diesel.

O empresário também destaca alternativas técnicas em desenvolvimento de sistemas híbridos junto ao Trólebus, com motor a combustão interna de pequeno porte que produzirá energia elétrica por meio de um pequeno banco de baterias. Isto permitirá que o veículo trafegue até 50 quilômetros sem necessidade de estar ligado à rede aérea. 

A Tutto e a Himalaia têm uma relação comercial de quase 15 anos. A primeira parceria, em 1996, foi a recuperação pela Tutto de 281 unidades de Trólebus que estavam em processo de desativação. A empresa caxiense produziu novos chassis e possibilitou seu encarroçamento com uso de todo o conjunto mecânico e revitalização do sistema eletroeletrônico. Os veículos ainda continuam operando em São Paulo. As unidades da nova versão substituirão alguns antigos e também ampliarão a frota. 

Com informações do Jornal do Comércio

terça-feira, 13 de abril de 2010

Paralisação dos rodoviários nesta terça-feira (13) ainda é incerta

0 comentários
Ainda é incerta a paralisação dos rodoviários para esta terça-feira (13). Até o momento, não conseguimos entrar em contato com os organizadores do movimento para ter uma posição.

Por outro lado, o Sindicato dos Rodoviários do Município do Rio de Janeiro divulgou nota nesta noite que pode ser lida na íntegra abaixo:

O SINDICATO DOS CONDUTORES DE VEÍCULOS RODOVIÁRIOS E TRABALHADORES EM TRANSPORTES DE CARGAS EM GERAL E PASSAGEIROS DO MUNICÍPIO DO RIO DE JANEIRO, após participar de audiência de conciliação às 16:30 horas do dia 12 de abril de 2010, esclarecendo ao Tribunal Regional do Trabalho que não patrocinou a suspensão do trabalho ocorrida em algumas empresas de transporte coletivo, principalmente na Zona Oeste, vem a público informar à categoria, às autoridades e á população que a presente nota cumpre decisão do Egrégio Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro, proferida pela Desembargadora Maria de Lourdes Salllaberry, consubstanciada no seguinte:

TRIBUNAL REGIONAL DO TRABALHO 

PROCESSO 0002292-57.2010.5.01.0000 DCG 

ATA DE AUDIÊNCIA


(...)"Assim, tendo em vista que a noticiada greve não foi gerada pelo sindicato representativo da categoria, entende a Presidência da Seção Especializada em Dissídios Coletivos que o fenômeno diz respeito à paralisações individuais, salvo prova em contrário, com aparente ilegalidade. Assim considerando e, conforme ressaltado pela ilustre representante do douto Ministério Público do Trabalho "que o sindicato, embora não tendo sido agente da paralisação é, efetivamente, o representante da categoria, portanto, com responsabilidade constitucional com relação aos seus integrantes", determinou a Presidência que o sindicato suscitado faça a mais ampla divulgação acerca de sua não responsabilidade na paralisação ocorrida hoje, no prazo de doze horas e autorizado pela Presidência da Seção Especializada de Dissídios Coletivos, comunicar que a continuidade da paralisação (HOJE) fará com que cada um dos empregados que a ela aderirem respondam, individualmente, perante os seus empregadores. Na hipótese da paralisação continuar (HOJE), mesmo após a divulgação, deverá o suscitado promover gestões junto aos grupos resistentes para que as paralisações não continuem."(...)

Diante desta decisão, apelamos aos companheiros que retornem ao trabalho de forma pacífica, evitando, assim, retaliações das Empresas.

Por outro lado, o Sindicato se coloca à disposição dos companheiros para mediar possíveis divergências entre as empresas e seus empregados. 

Rio de Janeiro, 13 de abril de 2010.

Antonio Onil da Cunha Filho 
Presidente

Com informações: Revista do Ônibus