segunda-feira, 3 de janeiro de 2011

Revolta do Buzu 2011 é o assunto mais comentado no Twitter em Salvador

A Revolta do Buzu 2011, ou Movimento Exú Tranca Ruas-SSA, é o assunto mais comentado no Twitter em Salvador na tarde desta  segunda-feira, 3.

Indignados com o aumento da tarifa de ônibus de R$ 2,30 para R$ 2,50 em plenas férias, os estudantes de Salvador, que se organizaram por Orkut e Twitter, realizaram uma manifestação, que teve concentração na Rótula do Abacaxi, às 15h. De lá, o grupo, formado por cerca de 200 estudantes, seguiu para a região do Iguatemi.

Dentre os assuntos mais comentados pelos soteropolitanos nesta segunda-feira, além de #revoltadobuzu, em primeiro lugar, há outros termos que se referem ao movimento, como #revoltabuzu2011, em quarto lugar, e #abacaxi, em sexto.

No microblog, o assunto divide opiniões. Tem aqueles que acreditam na força do movimento estudantil, uma reedição do movimento de 2003, em que os estudantes também protestaram contra o aumento da tarifa. “@Baianoporreta: Todos os estudantes estão mobilizados. Força, meu povo. #revoltadobuzu“, postou um tuiteiro.

E tem aqueles que acham que parar o trânsito apenas colabora para criar antipatia da população. “@keuuts Os estudantes só conseguem um coisa com essa manifestação: antipatia e revolta da população que fica parada em engarrafamentos quilométricos #revoltadobuzu“.

http://cidadaoreporter.atarde.com.br

Um comentário:

Anônimo disse...

Cadê o apoio da população neste protesto popular? Será que nesta cidade todo mundo anda de carro? Chique, hein?
Relembre, assista o documentário:

A Revolta do Buzu

2003, 70 min.

Entre o final de agosto e o começo de setembro de 2003, a cidade de Salvador, na Bahia, foi palco de uma onda de protestos estudantis contra o aumento das tarifas dos ônibus urbanos. Milhares de estudantes paralisaram a cidade por diversos dias. Enfrentaram a repressão policial e a tentativa de desmobilização do movimento perpetrada pela grande mídia.

Parte das reivindicações foi atendida no quarto dia de mobilização. O movimento cresceu e os estudantes continuaram lutando pela redução da tarifa do ônibus de R$ 1,50 para R$ 1,30. Toda a força daquelas pessoas se resumia em uma só frase: “Essa não é uma luta somente dos estudantes, mas de toda a sociedade”. Iniciada no bairro da Lapa, a mobilização se espalhou por diversos outros locais e durou mais de duas semanas. O preço da passagem não diminuiu, mas esse movimento foi certamente de grande importância para a história e o futuro do movimento estudantil na Bahia.

Sugestões de uso:
Ótimo para discussões do movimento estudantil. Também serve para discussões sobre o movimento social e suas formas de organização.

Ficha técnica:
Data: Agosto de 2003
Direção: Carlos Pronzato
Duração: 70 minutos
Realização: La Mestiza Audiovisual

Contato: http://www.lamestizaaudiovisual.blogspot.com/

Tel.: (71) 3345-1268/9214 4402